• Pinto Machado

RECUPERAÇÃO JUDICIAL DO GRUPO ABRIL CHEGA AO FIM

O Grupo Abril não está mais em processo de recuperação judicial. A empresa de comunicação deixou tal condição nesta semana, graças a uma decisão da Justiça paulista, que encerrou a questão. Aos olhos do poder Judiciário, a dívida bilionária declarada em agosto de 2018 não está mais ativa.

De acordo com o juiz Paulo Furtado de Oliveira Filho, da 2ª Vara de Falências e Recuperações do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, a administradora judicial demonstrou que 99,4% dos créditos da dívida em reais já foram pagos. Do montante em dólares e euros, o total de créditos pagos foi total: 100%.

“A experiência demonstra, no entanto, que a multiplicidade de disputas nos diferentes juízos, com o risco de decisões com parâmetros diferentes, provoca não só o retardamento na satisfação dos credores e o risco da devedora ser constrangida a pagar mais do que deve, mas também desprestígio à própria função jurisdicional”, afirmou o magistrado em trecho de sua decisão que deu fim ao processo de recuperação judicial do Grupo Abril, informou o site Migalhas.


Fonte: COMUNIQUE-SE PORTAL





1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo