• Pinto Machado

RJ PODEM SUPERAR 7 MIL EM 2020

Diante dos efeitos da pandemia do novo coronavírus, as dificuldades financeiras enfrentadas pelas empresas, principalmente pequenas e médias, só devem crescer. Com isso, o número de pedidos de recuperação judicial podem superar 7.000 neste ano, segundo especialistas ouvidos pela EXAME. Eles alertam para os cuidados que devem ser tomados pelos empresários neste ambiente desafiador.

A média de pedidos de recuperação judicial, no Brasil, tem sido de aproximadamente 1.400 por ano, entretanto, após o coronavírus, a expectativa é que este volume aumente consideravelmente.

Para tentar mitigar os efeitos devastadores da pandemia na economia, foi aprovado no último dia 21 de maio o projeto de lei nº 1397/2020 na Câmara dos Deputados, que agora segue para o Senado. O PL cria regras para evitar a insolvência de empresas na pandemia.

A proposta suspende por 30 dias ações judiciais de cobrança de dívidas vencidas após 20 de março deste ano. Também serão suspensas a decretação de falência e a incidência de multas.

Após esse período, empresários que comprovarem queda do faturamento acima de 30% sobre o mesmo período do ano passado poderão ajuizar procedimento de negociação preventiva: por 60 dias, as cobranças ficam congeladas, mediante acordo entre as partes.

Caso o projeto seja aprovado, a empresa fica blindada por um período, permitindo que ela consiga fôlego para se planejar e pagar suas dívidas.


Fonte: Exame





1 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo